Notícias

Trabalhadores/as aprovam proposta de CCT 2016/2017

26/08/2016 - 17h06 - Sinttel-ES - Redação
Imprimir

Os/as trabalhadores/as nas empresas prestadoras de serviço em telecomunicações aprovaram, em várias assembleias realizadas pelo Sinttel-ES,  nesta semana, a proposta de Convenção Coletiva de Trabalho, negociada com o Sindicato Nacional das Prestadoras (Sinstal).

As assembleias foram realizadas em vários locais, no período de 22 a 25 de agosto, e que teve a participação de 270 trabalhadores.

O Sinttel-ES enviou ofício às empresas informando a decisão dos trabalhadores e espera que as prestadoras de serviço cumpram o que está acordado. A categoria precisa ficar atenta, pois se as empresas não fizerem os reajustes nos salários e nos benefícios (tíquete, gratificação de férias, por exempo) que informem ao Sindicato, para que providências sejam tomadas.

Veja abaixo a proposta aprovada de Convenção Coletiva. Fique de olho.

Proposta feita pelas empresas prestadoras de serviços no setor de telecomunicações
Piso Salarial

O valor face para o piso da categoria fica estipulado em R$ 924,00 a partir de abril de 2016. A partir de dezembro de 2016 passará para 970,20 e, para R$ 1.018,71 a partir de março de 2017.

As diferenças salariais poderão ser pagas em até 3 vezes, sendo a primeira parcela paga junto do salário de agosto.

Piso por função

Reajuste de 10,00% (dez por cento), sendo: reajuste de 5,0% a partir de abril de 2016, sobre os valores praticados em 31/03/2016. Reajuste 5,0% a partir de 1º de dezembro de 2016, sobre os valores praticados em 31/03/2016. As diferenças salariais poderão ser pagas em até 3 vezes, sendo a primeira parcela paga junto do salário de agosto.

Novos Pisos:

Foram estabelecidos novos pisos por função:

AUXILIAR DE PROJETOS: fica estipulado em R$ 1.673,36 a partir de 1º de abril de 2016 e de R$ 1.753,04 a partir de 1º de dezembro de 2016.

PROJETISTA: fica estipulado em R$ 2.120,78 a partir de 1º de abril de 201 e de R$ 2.221,77 a partir de1º de dezembro de 2016;
As diferenças salariais poderão ser pagas em até 3 vezes, sendo a primeira parcela paga junto do salário de agosto.

Demais Salários

As diferenças salariais poderão ser pagas em até 3 vezes, sendo a primeira parcela paga junto do salário de agosto.

Estão excluídos do reajuste previsto na presente cláusula, os cargos de Diretores e Gerentes os quais estarão sujeitos ao reajuste conforme política interna de cada empresa.

Gratificação de Férias

Fica garantido aos TRABALHADORES a título de gratificação de férias, a partir de 01 de julho de 2016, o pagamento em VR ou VA na importância de R$ 120,00 (cento e vinte reais).

As empresas que, por política interna ou conforme previsão em termo aditivo, já fazem pagamento de vale refeição/alimentação em férias em valor superior ao ora fixado, ficam isentas desta aobrigação.

Auxílio ao Dependente com Deficiência
Auxílio Creche
Vale Refeição

As Empresas que praticam valores superiores a R$ 16,00 deverão reajustar o benefício em 10%, a partir de 1º de junho de 2016.

Retorno de férias

A partir de 1º de agosto de 2016 ao trabalhador cujo contrato de trabalho venha a ser rescindido por iniciativa da empresa, sem justa causa, e no prazo de 30 (trinta) dias após o retorno das férias, será paga uma indenização adicional equivalente a 1 (um) salário nominal mensal. A indenização aqui prevista será paga sem prejuízo das demais verbas rescisórias e juntamente com estas, não podendo ser substituída pelo aviso prévio, trabalhado ou indenizado.

Manutenção das demais Cláusulas da CCT 2015/2016

Inscreva-se para receber notícias do SINTTEL-ES pelo WhastApp.
Envie uma mensagem com o seu nome (completo) e o de sua empresa para (27) 98889-6368

Sinttel-ES