Notícias

Sinttel pede a deputados do ES que retirem assinatura em recurso do PL 2.673

20/10/2015 - 9h47 - Sinttel-ES - Redação
Imprimir

IMGP4448O Sinttel-ES, por meio do seu presidente, Nilson Hoffmann, e da diretora Jurídica, Rita Dalmásio, estiveram na última sexta-feira, dia 16, no gabinete do deputado federal Carlos Manato (Solidariedade/ES – foto) para pedir a ele que retire sua assinatura num  recurso que impede o Projeto de Lei nº 2.673, de 2007, que regulamenta a profissão de Teleatendente, de seguir direto para apreciação do Senado, sem passar pela discussão e votação na Câmara dos Deputados.

Esse Projeto de Lei, de autoria do deputado Jorge Bittar (PT/RJ), tramita desde 2007. E foi depois de um grande trabalho de convencimento dos parlamentares federais, feito pela diretoria da Federação Nacional dos Trabalhadores em Telecomunicações (Fenattel) com a coleta de milhares de assinaturas da sociedade pedindo a regulamentação da profissão de teleatendente, que o PL foi aprovado em três comissões da Câmara dos Deputados, em caráter terminativo. Isso significava que sua tramitação deveria seguir para o Senado. Mas não foi, devido ao recurso apresentado e assinado por 56 parlamentares, provavelmente um *lobby patronal ou antissindical, pedindo que o PL fosse discutido no plenário.

Aqui no ES, o recurso tem a assinatura de dois deputados federais, Carlos Manato ((Solidariedade/ES) e Marcos Vicente (PP/ES), com o qual, o Sinttel não obteve ainda nenhuma resposta, apesar dos telefonemas e e-mails enviados.

No encontro com o deputado Manato, que durou menos de 10 minutos, o parlamentar foi direto e rápido na resposta: “Se o meu líder pedir para retirar, eu retiro na hora”. Ele se referia ao deputado federal Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força, líder do seu partido, o Solidariedade. Paulinho foi presidente da Força Sindical, uma Central Sindical que deveria defender os trabalhadores, mas representa os empresários. A Força Sindical foi criada no governo do ex-presidente FHC para fazer oposição à CUT.

Para reverter o tal recurso

Diante da manobra do deputado Artur Maia (Solidariedade/BA) que, provavelmente, atende a interesses dos patrões, na última reunião da diretoria da Fenattel, no dia 06/10, foi desencadeada uma ação para procurar e convencer cerca de 40 deputados federais a retirarem suas assinaturas, nesse recurso, que atrasa ainda mais a aprovação definitiva do PL 2.673. Esses deputados são parlamentares dos estados onde também estão os Sindicatos de Trabalhadores em Telecomunicações, filiados à Fenattel.

“A reunião com o deputado Manato foi, digamos, ligeira. Ele foi bem enfático ao afirmar que retirar a assinatura não era problema, desde que isso fosse uma decisão do líder do seu partido. E foi isso que nós repassamos à diretoria da Fenattel, disse Nilson Hoffmann. Agora é só esperar que os companheiros de São Paulo tenham sucesso ao conversar com o deputado Paulinho da Força.

Veja o recurso contra a tramitação direta do PL nº 2.673

Conheça o PL nº 2.673, que torna em profissão o trabalho do Teleatendente de Telemarketing

* O que significa lobby?
1. (política)  atividade de pressão de um grupo organizado (de interesse, de propaganda etc.) sobre políticos e poderes públicos, que visa exercer sobre estes qualquer influência ao seu alcance, mas sem buscar o controle formal do governo.

Inscreva-se para receber notícias do SINTTEL-ES pelo WhastApp.
Envie uma mensagem com o seu nome (completo) e o de sua empresa para (27) 98889-6368

Pin It on Pinterest

Sinttel-ES