Notícias

Rotatividade de mão de obra em mais de 1.750 homologações em 2010

10/02/2011 - 8h31 - Sinttel-ES - Redação
Imprimir

Quase todas sem justa causa, as maiores demissões foram feitas na Brasil Center, Gecel e Velox

Neste ano, o Sinttel realizou 1.754 homologações. Este número foi maior do que o ano de 2009, devido aos processos de migração que aconteceram com a saída da Gecel do contrato da Oi, com a internalização dos trabalhadores das lojas da Vivo e com a mudança na prestação de serviço das telefonistas para a Caixa Econômica.

O que não alterou foi o numero grande de desligamentos nos Call Center, principalmente na maior deles, Brasil Center, onde a rotatividade chegou perto dos 30%. Isto se consideramos apenas as homologações daqueles que têm mais de um ano de trabalho na empresa, e que são realizadas no sindicato. No geral, este percentual com certeza é bem maior. Chama a atenção um aumento na rotatividade em call center menores. Sollo, Dacasa/Promov e o Ciodes/MultLimpe, que se assemelham ao da Brasil Center, em números percentuais.

Além do grande volume de homologações, em função da saída da Gecel, foram realizadas mais de 500 audiências tentando conciliação. Somente com os empregados da Gecel foram 486 audiências com índice de conciliação de 80%. Os demais buscam na Justiça do Trabalho a suas reparações.

Interesses da Categoria

O departamento Jurídico do Sinttel, coordenado pela diretora Rita Dalmásio, tem 273 processos trabalhistas.  Destes, 24 foram ajuizados este ano.

As maiores ações são coletivas e buscam direitos desrespeitados como periculosidade na Gecel; diferenças salariais na Liderança e Plansul; o não pagamento de horas extras na MultLimpe e contratação sem vínculo no período de experiência na Brasil Center.

O Sinttel lembra que o atendimento jurídico gratuito é feito para os trabalhadores sindicalizados.

Inscreva-se para receber notícias do SINTTEL-ES pelo WhastApp.
Envie uma mensagem com o seu nome (completo) e o de sua empresa para (27) 98889-6368

Sinttel-ES