Notícias

Outpar Service atrasa salários das telefonistas da CEF em todo o ES

09/04/2021 - 16h31 - Sinttel-ES - Redação
Imprimir

As telefonistas das 44 agências bancárias da Caixa Econômica Federal em todo o Espírito Santo estão sem receber os salários do mês de março. A empresa Outpar Service Empresarial Eireli (CNPJ 14.084.079/0001-90) de Londrina – PR não deu ainda nenhuma explicação para os atrasos dos pagamentos.

O SINTTEL-ES recebeu dezenas de reclamações das/os trabalhadoras/es pelo e-mail e também através do canal de WhatsApp denunciando o atraso no pagamento. O diretor Reginaldo Biluca e o presidente do SINTTEL-ES, Nilson Hoffmann, tentaram contato com a GG Licitações e Consultoria que é a responsável pelo gerenciamento do RH da Outpar Service, pelo telefone. Ao diretor Reginaldo a representante, Danieli Mendonça, disse que o pagamento será feito na segunda-feira, dia 12. Mas não explicou o motivo do atraso.

5º dia útil

A data limite para o pagamento dos salários caiu nesta quinta (8),  5º dia útil, conforme a cláusula 3ª, Parágrafo 4º da Convenção Coletiva de Trabalho em vigor:

“Os pagamentos dos salários poderão ser efetuados através de cheque ou depósito na conta do empregado, nesse caso as empresas deverão abrir conta-salário para todos os seus empregados. Em ambas as hipóteses o pagamento deverá estar disponibilizado até o 5º (quinto) dia útil bancário, do mês subsequente, conforme disposto na CLT”.

 

Sem retorno da empresa, Hoffmann enviou e-mail à GG Licitações e Consultoria pedindo explicações e avisando das consequências pelo atraso. Também encaminhou cópia do e-mail ao Seaces, sindicato das empresas.

No início da tarde, o presidente ligou para falar com a Danieli Mendonça, mas ela não atendeu e nem retornou, apesar de ter deixado o número para contato.

Aos trabalhadores a empresa enviou várias respostas:

Pessoal!!!

Boa tarde, a respeito do salário. Estamos recebendo inúmeras mensagens e ligações aqui no escritório. A posição que temos é a mesma independente pra quem vocês perguntarem, o FINANCEIRO ESTÁ FAZENDO O POSSÍVEL PARA QUE O PROBLEMA SEJA RESOLVIDO COM EXTREMA URGÊNCIA! Pedimos desculpas pelo transtorno, mas precisamos que aguardem!

Outra, enviada ontem (8):

Vitória teve o FERIADO adiantado, então hoje não é o 5º dia útil, mas amanhã.

A empresa desconhece que somente a cidade de Vitória decretou feriado. O restante do Estado não.  E se respeitasse a Convenção, teria feito o pagamento das/os demais telefonistas.

Em nenhum momento essa empresa demonstrou o mínimo de respeito para com os trabalhadores em dar uma explicação, apresentando uma previsão de pagamento.

Multas

A Convenção Coletiva tem duas cláusulas que estabelecem multas. Uma pelo atraso no pagamento de salário (Cláusula 4ª) e outra pelo descumprimento da Convenção em si (Cláusula 35ª).

O Sinttel-ES já está acionando o departamento jurídico para tomar as providências que couberem de acordo com as cláusulas e garantidas da Convenção Coletiva.

A drª Renata Schmidt Gasparini, advogada do Sindicato disse que “por se tratar de um Feriado ATÍPICO, em razão da pandemia e com o intuito somente de evitar a propagação da doença e a circulação de pessoas, NÃO autoriza a empresa a postergar as datas de pagamento de salários.”

Segundo ela, por ser atípico, até os vencimentos de contas, boletos e tributos foram mantidos nas datas respectivas, sem postergação, então, quiçá pagamento de salários! “Podemos, sim, cobrar a multa convencional”, completou ela.

 

Inscreva-se para receber notícias do SINTTEL-ES pelo WhastApp.
Envie uma mensagem com o seu nome (completo) e o de sua empresa para (27) 98889-6368

Pin It on Pinterest

Sinttel-ES