Notícias

Oi pode ter serviços afetados na próxima quinta-feira, 7/07

05/07/2011 - 8h21 - Sinttel-ES - Redação
Imprimir

Os trabalhadores da Telemont, empresa que presta serviços para a planta externa da operadora Oi – que faz todas as ligações, reparos e instalações de telefone e internet em todo o ES – sinalizam com uma paralisação, a partir dessa quinta-feira, dia 07. A assembleia para decidir quando começa o movimento, acontece a partir das 7h30min, de quinta-feira, na Praça do Papa, na Enseada do Suá em Vitoria.

“Os motivos da insatisfação dos trabalhadores é o baixo salário e a insensibilidade da Telemont em apresentar uma proposta de reajuste que restabeleça o poder de compra e a renda desses empregados”, explica Nilson Hoffmann, presidente do Sinttel-ES (Sindicato dos Trabalhadores em Telecomunicações do ES).

Há dois anos sem reajuste, a terceirizada propõe somente a reposição do índice de 6,31% que é a inflação do período, medida pelo INPC do IBGE. Essa proposta foi avaliada no dia 15/06 e, por unanimidade, foi recusada pelos trabalhadores. Depois disso houve uma reunião de negociação com a empresa no dia 04/07, mas nenhum avanço foi anotado.

Os trabalhadores querem:

REAJUSTE SALARIAL DE 10% (incluindo a inflação de 6,31% + ganho real);
TIQUETE REFEIÇÃO DE R$ 13,00 POR DIA;
ALUGUEL DE R$ 800,00 PARA OS VEÍCULOS (Todo empregado aluga o próprio carro para executar os serviços)
R$ 8,00 PARA A PRODUÇÃO (instalação e reparos)

A Telemont oferece:

Reajuste salarial: somente o INPC de 6,31% (sobre o salário de 1º de abril de 2010);
Reajuste no tíquete refeição: R$ 11,00. Há dois anos é R$10,00;
Remunerar a produção: R$ 4,50. Atualmente a empresa paga R$ 4,00
Aluguel dos carros: R$ 658,80. Hoje ela paga R$ 610,00

Inscreva-se para receber notícias do SINTTEL-ES pelo WhastApp.
Envie uma mensagem com o seu nome (completo) e o de sua empresa para (27) 98889-6368

Sinttel-ES