Notícias

NÃO ASSINEM O ABAIXO ASSINADO DA TELEMONT

27/07/2016 - 19h07 - Sinttel-ES - Redação
Imprimir

Nota do Sinttel-ES em repúdio ao abaixo assinado que a Telemont vem impondo aos trabalhadores e trabalhadoras.

abaixoassinado-telemontO Sinttel-ES tomou conhecimento de um abaixo assinado que os Gestores da Telemont estão impondo para os trabalhadores com o pretexto de solicitar abertura de negociações, para o período 2016-2017;

Que estes gestores estão, de forma ilegal, ameaçando àqueles que se recusarem a assiná-lo;

Que esta iniciativa dos Gerentes é considerada atitude antissindical, e o Sinttel está tomando as medidas necessárias para coibir esta prática. Não é a primeira vez que a empresa toma esta atitude.

Não é verdade que o Sinttel não está querendo negociar com a Telemont;

Estamos seguindo o que foi decidido em assembleia em 2015, ou seja, rejeição da proposta de Acordo Coletivo que a Telemont queria e adoção da Convenção Coletiva 2014-2015 com os seus desdobramentos;

Que o Sinttel-ES ajuizou ação na Justiça do Trabalho exigindo que a Telemont cumpra o que está estabelecido na Convenção Coletiva das Prestadoras de Serviço do setor de Telecom

Acabamos de fechar uma negociação com o Sinstal (CCT 2016/2017) que prevê reajuste para salários e benefícios,

Serão convocadas assembleias a partir da próxima semana envolvendo todos os trabalhadores empregados das empresas prestadoras de serviços em telecom, inclusive os da Telemont;

A Telemont só não aplicará estas correções aos salários e nos benefícios se não quiser;

Por fim, já fizemos várias reuniões com a empresa nestes últimos meses e ela sabe qual é a posição do Sindicato;

A Telemont insiste em manter pisos salariais inferiores aos da Convenção Coletiva de Trabalho, desconsiderando a vontade dos trabalhadores, mantendo precárias condições de trabalho e de remuneração;

A empresa desligou vários trabalhadores nos últimos meses, aumentando a carga de trabalho para os que ficaram;

Além disso, desde a implantação do famigerado Click, os trabalhadores se sentem na verdade roubados, pelas sucessivas manipulações que são feitas para não permitir o cumprimento das metas, impedindo os trabalhadores de receberem o salário variável.

Que nos últimos meses, a empresa acentuou as aplicações de medidas disciplinares sem motivo aparente, numa forma de pressionar os trabalhadores, como quem quer dizer: aqui mando eu e pronto.

Não desanimem. A luta é difícil, mas nossa união é maior.

Diretoria do Sinttel-ES

Inscreva-se para receber notícias do SINTTEL-ES pelo WhastApp.
Envie uma mensagem com o seu nome (completo) e o de sua empresa para (27) 98889-6368

Sinttel-ES