Notícias

Esclarecimentos sobre o atraso de pagamento na Hallen

25/07/2017 - 8h25 - Sinttel-ES - Redação
Imprimir

O Sinttel-ES faz alguns esclarecimentos aos trabalhadores da Hallen Instalação de Equipamentos de Telecomunicações Ltda, prestadora de serviço para a Operadora Vivo:

1) Que recebeu denúncia dos empregados de que havia atraso no pagamento do salário de junho/2017. Porém, não existe atraso no pagamento do auxílio-alimentação, conforme noticiado na matéria publicada neste site, no dia 10 de julho.

2). A Hallen vem pagando o auxílio-alimentação semanalmente, apesar de numa reunião no ano passado, na procuradoria do Ministério Público do Trabalho no ES a empreiteira da Vivo ter se comprometido a “envidar esforços para fazer o pagamento mensal”. Mas, isso não acontece até hoje.

3) Os diretores do Sinttel-ES Alessandro Mamedi, Vanderlei Rodrigues da Vitória e Reginaldo Biluca estiveram na portaria da empresa no dia 10/07 e reuniram os trabalhadores para discutir o problema. A reunião foi do lado de fora do galpão da empresa, localizado no município da Serra.  Os diretores não se reuniram com os representantes da empresa.

4) Durante a reunião com os trabalhadores e o Sinttel,  um dos empregados questionou sobre a renovação ou não do contrato com a Vivo. Segundo ele, o seu chefe imediato informou que o Contrato havia sito assinado, dizendo ainda que estava garantido por mais 4 anos. Um representante da empresa, que se fazia presente, não confirmou essa informação e disse que o contrato ainda não havia sido renovado, mas que tudo caminhava para um desfecho favorável.

5) Ainda durante o encontro do Sinttel com os trabalhadores no dia 10, a Hallen também rebateu a informação de que os atrasos de salários são frequentes. O Sinttel, se contrapõe e informa que os atrasos aconteceram em alguns meses de 2016 e no início de julho deste ano. “Tanto isso é verdade, que a empresa já teve que se explicar na procuradoria do Ministério Público do Trabalho no Espírito Santo”, disse o presidente do Sinttel-ES, Nilson Hoffmann.

6) Apesar de os trabalhadores terem reclamado que o atraso no pagamento dos salários no fim do mês os prejudicava, principalmente, na quitação das despesas pessoais, a empresa esclareceu que fez o adiantamento quinzenal de 40% do salários de junho e que, para ela, não se justifica a reclamação.

7) Não é, nunca foi e nunca será intenção do Sinttel prejudicar qualquer empresa do setor de Telecomunicações. Contudo, é seu papel zelar pelos trabalhadores e estar atento para agir contra qualquer irregularidade que prejudique a categoria.

O Sinttel-ES pede aos trabalhadores que que continuem informando ao Sindicato pelo WhatsApp / Telegran  27 98889-6368 qualquer problema que ocorra dentro das empresas e que necessite da intervenção da entidade.

Reunião no dia 10, dos trabalhadores com o Sinttel-ES, do lado de fora do galpão da Hallen, na Serra.

 

Inscreva-se para receber notícias do SINTTEL-ES pelo WhastApp.
Envie uma mensagem com o seu nome (completo) e o de sua empresa para (27) 98889-6368

Sinttel-ES