Notícias

Centrais sindicais lançam o 1º de Maio contra a Reforma da Previdência

11/04/2019 - 10h44 - Sinttel-ES - Redação
Imprimir

 

As centrais sindicais — CGTB, CSB, CSP-Conlutas, CTB, CUT, Força Sindical, Intersindical, Nova Central, UGT, e os movimentos sociais — Frente Brasil Popular lançam o 1º de Maio 2019, que neste ano vai ser unificado

Sob forte ataque da direita desde o golpe de 2016 e agora ainda mais sob o governo Bolsonaro o movimento sindical unifica as forças para resistir e sobreviver ao cerco político e financeiro do governo e do patronato.

O principal foco das manifestações do Dia Mundial da Classe Trabalhadora no Brasil será a luta contra a malfadada reforma da Previdência do governo Bolsonaro. A defesa do emprego e dos direitos sociais, bem como da democracia e da soberania nacional, também serão temas prioritários. E a bandeira do Lula Livre será levantada.

Ato político contará com a presença de representantes das centrais, da Frente Brasil Popular e Frente Brasil Sem Medo, de oito partidos políticos (PT, PCdoB, PSB, PDT, Solidariedade, PSTU, PSOL, PTB), das mulheres e da juventude  e demais segmentos da sociedade civil organizada.

Aqui no ES, o objetivo de fazer um grande dia de luta dos trabalhadores e trabalhadoras. Foi decido convocar sindicatos, minorias e oposições, os movimentos sociais da cidade e do campo, os coletivos estudantis e de combate às opressões, pastorais e paróquias parceiras, e os blocos de carnaval e escolas de samba vinculados aos movimentos sociais, para realizarmos o movimento organização do 1º de maio.

Mais do que uma convocatória por cima, das Centrais, queremos construir esse 1º de maio com todos os sujeitos sociais que têm atuado conosco nessa e em outras lutas.

Com informação das centrais sindicais.

Inscreva-se para receber notícias do SINTTEL-ES pelo WhastApp.
Envie uma mensagem com o seu nome (completo) e o de sua empresa para (27) 98889-6368

Sinttel-ES