Notícias

Capixabas aprovam proposta da CLARO com 96,63% dos votos

19/11/2021 - 12h08 - Sinttel-ES - Redação
Imprimir

19/11/2021 – 10h51 – Federação Livre – Redação

A assembleia on-line realizada pela Federação LiVRE, nesta quinta (18/11), com os trabalhadores na CLARO no AM, CE, ES, PE, RJ, RN e RO revelou que, pela primeira vez, a proposta da empresa teve a aceitação esmagadora de 95% dos 2.799 trabalhadores e trabalhadoras que participaram. No ES, a proposta teve ainda mais aceitação: 96%. Foram 172 Sim, 6 Nãos e nenhuma abstenção.

Para a Federação LiVRE e seus sindicatos, o resultado da assembleia vem coroar o esforço persistente em negociar melhores condições de salário, de trabalho e de vida para os trabalhadores em telecomunicações, principalmente nas operadoras que registram lucros expressivos desde o início da pandemia, o que pode se visto no arremate do leilão do 5G, em que a mexicana desembolsou, nada menos, que R$ 1,6 bilhões.

As conquistas do Acordo Coletivo com a CLARO, neste ano, repuseram a inflação de 10,42% (INPC Integral), recompondo o poder de compra dos salários, parcelado em duas vezes, mas compensado com abono de R$ 1080,00. Assim, também para todos os benefícios, com pagamento retroativo à data base, setembro.

Garantiu também, despois de muito vai e vem, uma cláusula de Teletrabalho, com ajuda de custo para despesas e equipamentos e direito à desconexão — único acordo feito pela empresa dentre os 18 países onde ela opera.

Este acordo também já garante a Participação nos Lucros, nos mesmos patamares de 2020. E valerá até 2023, com renegociação das cláusulas econômicas em setembro do ano que vem, o que é uma segurança para todos os/as empregados/as, caso hajam mudanças na legislação trabalhista.

Valeu as demoradas e estressantes reuniões, as argumentações para se contrapor às propostas da Claro, as negativas em não aceitar propostas desvantajosas, a insistência para valorizar quem constrói a empresa, enfrentando pandemia, carestia, home office sem ajuda.

É agora que o trabalhador precisa reconhecer a importância dos sindicatos na luta de classes. Portanto, filiem-se! A empresa só reconhece a força dos trabalhadores quanto eles se organizam.

Conheça aqui a proposta na íntegra

Veja como foi a votação nos sindicatos.

A Comissão de Negociação da Federação Livre na CLARO é formada pelo coordenador João Cezar (Sinttel-CE), Gilberto Pirajá (Sinttel-RN), Gilberto Oliveira (Sinttel-PE) Amaral (Sinttel-AM) e Virgínia Berriel (Sinttel-Rio), Luis Antônio Silva (presidente da Federação Livre e Sinttel-Rio) e Nilson Hoffmann (diretor de Comunicação da Federação Livre – Sinttel-ES).

A Federação Livre mantém um canal de comunicação nesta campanha  livre@federacaolivre.org.br. Todas as informações e boletins informativos estarão à disposição no site e nas redes sociais

     

Inscreva-se para receber notícias do SINTTEL-ES pelo WhastApp.
Envie uma mensagem com o seu nome (completo) e o de sua empresa para (27) 98889-6368

Pin It on Pinterest

Sinttel-ES