Notícias

Sinttel-ES convoca assembleia dia 28/03 para prestar contas de 2017

26/03/2018 - 12h00 - Sinttel-ES - Tania Trento
Imprimir

O edital será publicado no dia 19 de março, no Jornal A Tribuna, caderno de Classificados, conforme determina o Estatuto do Sindicato.

O SINTTEL-ES está convocando os trabalhadores sindicalizados para uma assembleia muito importante: a prestação de contas do Sinttel-ES. Todo ano, o Sindicato chama os associados para apresentar os investimentos realizados e também para planejar o que fazer, quais as prioridades na aplicação do orçamento para o ano seguinte, ou seja, 2018.

Essa assembleia, que será realizada no dia 28 de março, às 18 horas, na sede-provisória do Sindicato no Ed. Ames, sala 1316  (veja edital), tem o objetivo de mostrar como foram usados os recursos oriundos das contribuições sindicais (anual)  e das mensalidades dos associados. É uma radiografia dos gastos e a ginástica diária que se faz para economizar o dinheiro que o trabalhador dá para manter o Sindicato.

Na oportunidade, a diretora financeira do SINTTEL-ES, Rita Dalmásio vai demonstrar o quanto foi investido nos processos ajuizados pelo departamento jurídico; na produção dos jornais, no site, na comunicação com a categoria; na contabilidade, no pagamento de empregados, insumos e prestadores de serviço. Também serão conhecidos os valores destinados à manutenção da estrutura do Sinttel: água, luz, telefone, internet, combustível, enfim, tudo o que se necessita para manter o Sinttel funcionando e atendendo à categoria, realizando dezenas de assembleias, reuniões de negociação, visitas aos trabalhadores nas empresas na Grande Vitória e interior do Estado. Também será feita a apresentação dos valores investidos na reforma do prédio-sede, na rua Barão de Monjardim.

É PELA LUTA. É CONTRA A EXPLORAÇÃO

É bom lembrar, que nenhum/a diretor/a recebe qualquer valor do Sindicato. Todos os diretores liberados, Nilson Hoffmann e Alessandro Mamedi (Oi), Vanderlei Rodrigues (Telemont), Rita Dalmásio e Reginaldo Bilucas (Vivo)  recebem os salários das empresas que estão contratados. O TRABALHO NO SINDICATO É VOLUNTÁRIO e, na maioria das vezes, representa prejuízo na remuneração dos diretores, uma vez que passam a NÃO mais contar com horas extras e outros adicionais que poderiam estar recebendo se estivessem na empresa.  É preciso ter compromisso, responsabilidade e respeito pela contribuição que cada um dá para manter o Sindicato ativo e por aqueles que se dedicam diariamente à luta de manter e ampliar os benefícios estabelecidos nos Acordos e Convenções Coletivas de Trabalho

Rita também vai apresentar uma previsão do orçamento do Sindicato para 2018, que, neste ano, sofreu uma queda vertiginosa por causa da Reforma Trabalhista.  A reforma acabou com uma gama enorme de direitos da classe trabalhadora brasileira. Uma das mudanças foi a obrigatoriedade de autorização previa e expressa do trabalhador para o desconto da Contribuição Sindical Anual, objetivando asfixiar financeiramente o Sindicato e reduzir sua atuação junto aos trabalhadores na base.

Compareça! Ajude o seu sindicato a permanecer na luta, com força para resistir às investidas dos maus patrões. E se a categoria pensa em ter um sindicato forte, é preciso contribuir e valorizar, pois é ela quem definirá o tamanho das entidades de representação sindical. SE PARTICIPAR ATIVAMENTE O SINDICATO CRESCE. Caso contrário, será como os empresários estrategicamente fizeram valer na Reforma Trabalhista.

 

 

Inscreva-se para receber notícias do SINTTEL-ES pelo WhastApp.
Envie uma mensagem com o seu nome (completo) e o de sua empresa para (27) 98889-6368

Pin It on Pinterest

Sinttel-ES