Notícias

Sinttel convoca assembleia de desfiliação à Fenattel

13/12/2018 - 10h25 - Sinttel-ES - Redação
Imprimir

É hora de fortalecer a luta dos trabalhadores

Assembléia de desfiliação à Fenattel. Dia 19 de dezembro de 2018, às 18h30 na sede provisória do Sinttel-ES, conforme edital publicado no Jornal A Tribuna.

O Sinttel-ES convoca os/as trabalhadores/as para discutir e decidir sobre a desfiliação do sindicato capixaba à FENATTEL – Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Telecomunicações e Operadores de Mesas Telefônicas.

Os motivos da direção do Sinttel-ES, que estende à discussão para a categoria se deve à quase nula representatividade e combatividade da Fenattel, ante os problemas já enfrentados pelos/as trabalhadores/as como a grande rotatividade da mão de obra, os baixos salários, a precarização dos contratos nas terceirizadas, o constante desrespeito aos direitos trabalhistas e assédios. Além disso, por problemas políticos internos, a Fenattel não consegue coordenar com êxito as campanhas salariais e de valorização do trabalhador em Telecom, realizadas em nível nacional.

A Fenattel tinha tudo para dar uma guinada nas relações de trabalho da categoria telefônica que depois da privatização sofreu com a precarização, pois reuniu num congresso, em 2011, em São Paulo, representantes de 22 Sintteis. Havia muita representatividade, pois aglutinava sindicatos filiados às três principais centrais sindicais: CUT, UGT e FS, totalizando quase 90% de toda categoria representada no País. E foi com esse objetivo, de fortalecer a luta dos trabalhadores em telecomunicação no Brasil todo, que o Sinttel-ES se refiliou à Fenattel, em abril de 2009.

Mas esse casamento teve muitos altos e baixos. De lá para cá, as divergências apareceram. Desrespeito à democracia interna, falta de transparência nas decisões e aplicação de recursos impedindo que houvesse o fortalecimento das lutas.

Outros motivos, como acordos feitos com empresas pelo (eterno) presidente, Almir Munhoz, que também é o presidente do Sintetel (Sindicato de São Paulo) sem consulta aos demais sindicatos e prejudicando trabalhadores, casou muitos constrangimentos aos demais sindicatos que se comprometeram com a reunificação, como o Sinttel Rio , CE, AM, PE, BA, entre outros e nós, do ES.

Histórico

A refiliação do Sinttel-ES à Fenattel se deu quando vários sindicatos de telefônicos deixaram a Fittel – Federação interestadual de Trabalhadores em Empresas de Telecomunicações. Fundada em 1986, a Fittel lutou 23 anos, mas não conseguiu o registro do Ministério do Trabalho. Antes da Fittel, todos eram representados pela Fenattel, considerada naquela época, com o surgimento do novo sindicalismo, uma entidade pelega que não defendia os interesses dos/as trabalhadores/as.

Assim como a Fenattel hoje, em 2009 a Fittel também passava por uma crise de representatividade e de posicionamentos políticos que levaram os sindicatos do RJ, PE, GO, ES, RO, BA, MS, a se desfiliarem.

Portanto com a desfiliação da Fenattel, o Sinttel-ES, juntamente com outros estados que também farão assembleias com esta mesma finalidade, buscaremos a formação de um bloco de Sindicatos, para juntos termos condições de atuar de forma a buscar uma melhor organização dos trabalhadores em Telecomunicações sejam de Prestadoras de serviços, Operadoras ou Call Center.

 

Inscreva-se para receber notícias do SINTTEL-ES pelo WhastApp.
Envie uma mensagem com o seu nome (completo) e o de sua empresa para (27) 98889-6368

Sinttel-ES