Notícias

Qual o papel do Sinttel-ES na conquista de direitos dos telefônicos

20/02/2018 - 10h51 - Sinttel-ES - Tania Trento
Imprimir

Quem FINANCIA A LUTA sindical?

A reforma trabalhista foi um golpe duro contra os trabalhadores:

1) Acabou com direitos garantidos na CLT;

2) Criou barreiras que impedem ações na Justiça do Trabalho

3) Acabou com a obrigatoriedade da Contribuição Sindical Anual que dava garantia financeira aos sindicatos, entidades de luta e resistência da classe trabalhadora.  

O objetivo: explorar, escravizar e não deixar que trabalhadores possam lutar para manter ou ampliar os direitos

Muita gente acredita que tudo que recebe no contracheque é obrigação da empresa e que está garantido por lei.
Engana-se!

É a presença do sindicato e sua atuação que resultaram nas conquistas e melhorias das condições de trabalho. A verdade é que sem o sindicato cada trabalhador fica sozinho para negociar com patrão. E não tem a menor chance.

Todo ano, a categoria espera pelo reajuste salarial. Já virou rotina. Porém, não há uma lei que obrigue o patrão a fazer a correção dos salários, a dar aumento real. A pressão dos sindicatos transformou essa reivindicação em conquista. E muitas outras vieram com as campanhas salariais, as negociações coletivas que o SINTTEL-ES faz todo ano. São mais de 30 acordos e convenções coletivas negociadas com as empresas: operadoras, prestadoras e call centers.

Tíquete refeição, hora extra com valor acima do estabelecido em lei, Plano de Saúde, auxílios-creche e ao filho deficiente, jornada de 6 horas nos call centers, as pausas definidas na NR 17, entre outros benefícios foram inseridos nos acordos e convenções a partir das necessidades da categoria, através do trabalho e luta dos sindicatos.

O SINTTEL-ES ainda impede que as empresas reduzam ou acabem com os benefícios conquistados com muita luta por todos. Também oferece assistência jurídica gratuita para toda a categoria, mesmo para aqueles que não são sindicalizados.

E tudo isso é bancado pelo trabalhador, seja mensalmente, seja no desconto anual, no mês de março.

Sem sindicato não há direitos para o trabalhador!

Representatividade

E quando um Sindicato tem maioria dos trabalhadores da base da categoria sindicalizada, aumenta sua representatividade e sua força para enfrentar os patrões.

Inscreva-se para receber notícias do SINTTEL-ES pelo WhastApp.
Envie uma mensagem com o seu nome (completo) e o de sua empresa para (27) 98889-6368

Pin It on Pinterest

Sinttel-ES